Record declara guerra à Globo com suposta delação poderosa de Antônio Palocci

Neste domingo (16), a Record declarou guerra contra a Rede Globo, exibindo uma reportagem de mais de 15 minutos, em horário nobre, sobre uma série de negociatas da emissora carioca. A reportagem foi exibida no programa Domingo Espetacular.

O ponto de partida da reportagem é uma suposta delação negociada pelo ex-ministro Antonio Palocci. A reportagem da Record mostrou como a Globo se beneficiou de um esquema de sonegação fiscal, usou empresas de fachada em paraísos fiscais e recebeu uma série de benesses federais.

Ainda segundo a denúncia da Record, a televisão da família Marinho também estaria agindo para impedir a concretização da delação de Palocci.

Uma suposta delação do ex-ministro Antônio Palocci pode dar início a uma nova fase da Operação Lava Jato

Com uma reportagem de mais de 15 minutos exibida em horário nobre neste domingo, a Record parece ter declarado guerra à rede Globo.

O trabalho, exibido no programa “Domingo Espetacular” me chamou a atenção porque relatou/mostrou uma série de negociatas da emissora carioca, incluindo um milionário esquema de evasão de divisas e sonegação de impostos durante a Copa do Mundo de 2002.

O ponto de partida da reportagem foi uma suposta delação negociada pelo ex-ministro Antônio Palocci.

A reportagem da Record mostrou como a Globo se beneficiou de um esquema de sonegação fiscal, usou empresas de fachada em paraísos fiscais e recebeu uma série de benesses federais.

De acordo com a reportagem, a televisão da família Marinho também estaria agindo para impedir a concretização da delação de Palocci.

Confira a íntegra da reportagem

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?