É HOJE! Protesto contra aumento do ICMS na Avenida Litorânea

“É inaceitável a decisão do Governador que se elegeu prometendo que não iria aumentar impostos (…) É inaceitável que os deputados imponham sacrifícios financeiros à população, sem ao menos diminuir suas mordomias, regalias e super-salários pagos com o dinheiro do povo” uma das justificativas do Ato.

Acontece hoje, 22, a partir das 18h, na Avenida Litorânea o buzinaço, apitaço e bandeiraço, em forma de protesto contra o aumento do ICMS proposto pelo governador Flávio Dino (PCdoB) e aprovado pela maioria dos deputados, na última quinta-feira, 15/12. (reveja AQUI)

Desde que a mensagem de Flávio Dino propondo o aumento nas tarifas de consumo de energia elétrica, de combustíveis, de cigarros e de serviços como telefonia e TV por assinatura, a partir do reajuste de alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), foi encaminhada à Assembleia Legislativa, reações das mais adversas têm partido da população que se sente/iu lesada com tamanha maldade. Vinte e seis deputados votaram à favor da vontade do governador.

A iniciativa dos ativistas sociais está sendo mobilizada pelas redes sociais

– Contra a aprovação da lei que aumenta as alíquotas do ICMS das contas de energia, combustíveis, telefonia, internet, celular e TV por assinatura.

– É inaceitável a decisão do Governador que se elegeu prometendo que não iria aumentar impostos.

– É inaceitável que os deputados imponham sacrifícios financeiros à população, sem ao menos diminuir suas mordomias, regalias e super-salários pagos com o dinheiro do povo.

 

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?