Internautas se manifestam indignados com reeleição de Edivaldo Júnior

Com quase 2 meses de campanha nas ruas, uma disputa acirrada, com direito a 2° turno, a eleição em São Luís não foi nada fácil para o prefeito reeleito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). Edivaldo que foi publicamente declarado como o candidato do governador do estado, teve uma campanha luxuosa com ‘derrames’ exagerado de dinheiro e compras de apoio. Duas máquinas (municipal e estadual) foram escancaradamente exploradas durantes estes dias. O resultado? Com 100% das urnas apuradas, Edivaldo teve 53,94% dos votos válidos, contra 46,06%, do 2° colocado – Eduardo Braide (PMN). Mais de 41 mil votos de diferença.

Infelizmente, o número de indignados não foi suficiente para derrotar o prefeito pedetista. Aquele que todos os ludovicenses tiveram a certeza absoluta de que só mostrou cara e trabalho às vésperas das eleições, com um tal de asfalto emergencial em algumas ruas e avenidas e uns pingados ônibus com ar condicionado.

2

São Luís, definitivamente, está fadada mesmo à vida primitiva, de migalhas e, o pior, acostumada a ser uma capital atrasada e que se contenta com um saco de bombons em troca de voto.

Ousar? Nem  pensar!
Desejar e exigir uma cidade mais moderna e desenvolvida? Piorou!
A maioria dos ludovicenses mostrou mesmo que do jeito que a “pequenês” São Luís está, está uma maravilha. Mudar para quê .. quando se é acostumado a não ter nada e só obedecer ordens, um sinal de liberdade à frente é visto como uma ameaça ao comodismo e ao eterno fracasso que a sociedade faz questão de se manter refém.

 1

Só um P.S – comentei em algumas postagens dos “indignados” que “se não fosse pela fortuna incontável dos cofres públicos investida na campanha do 12, este cidadão não seria reeleito nem para síndico de prédio”. Dinheiro quando mal usado é uma … mesmo.

Só não vale chorar depois pelo leito derramado. Quem não se torna dono de suas escolhas, tem que ficar escravo do que lhe é imposto!

14

15

 3

4

5

6

9

12

13

 

6 thoughts on “Internautas se manifestam indignados com reeleição de Edivaldo Júnior

  • 31/10/2016 at 14:03
    Permalink

    Excelente!

  • 31/10/2016 at 07:00
    Permalink

    Infelizmente o povo ludovicense gosta e está acostumado a ficar chibata, acostimou-sr a mermice.

  • 30/10/2016 at 22:44
    Permalink

    VIDA QUE SEGUE: A DEMOCRACIA DEVE PREVALECER MESMO COM A ILHA DIVIDIDA!
    Historicamente inexiste democracia plena. As suas imperfeições devem ser compreendidas. Ninguém seria capaz de escrever, defender e aprovar um sistema de governo perfeito em lugar algum do mundo. Principalmente no país e no estado em que vivemos: há anos, sem êxito, estamos discutindo igualdade, combate a corrupção, zelo com a coisa pública, compra de votos , abuso do poder econômico, ética , dignidade humana , reforma política , agora a lava jato,etc.
    Mas da forma que a democracia foi criada é melhor suportá-la do que a ditadura. De mais longe já viemos. Onde prevalecia a tirania com torturas nos porões e desaparecimentos de pessoas para garantir , sem voto , as mazelas do poder.
    Temos que entender que a maioria venceu. Temos que aceitar. A democracia que nos foi imposta não comporta medidor de intelectualidade e inteligência para valorar o voto. O voto é igual , não tem tamanho, cor, status social. Mas a sabedoria nunca perde. Ela nunca será vencida. Senão ainda ainda estávamos em uma ditadura.
    O atual prefeito venceu as eleições nas regras da democracia vigente. Não importa de que forma venceu. Mas venceu. Não temos outra alternativa senão aceitar a derrota. Agora vamos torcer para que os perdedores (quase metade de São Luís ), sejam surpreendidos doravante com ações que não ocorreram na gestão atual que lhes fizeram votar no adversário 33.
    Numa eleição perde-se e ganha-se algo. Eu não conheço pessoalmente o candidato 33 e nem o 12. Mas vivi e vivo a gestão. Afinal moro aqui. Defendi a mudança pela regra democrática, pelos erros. Por melhorias . A gestão atual para mim foi pífia, descomprometidda com a cidade que pensa. Não perdi emprego e nem ganhei. Graças a Deus não preciso. Mas tenho orgulho na plena consciência que eu e minha família defendemos a NOSSA CIDADE QUE AMAMOS E QUE É SOMENTE NOSSA.
    Parabéns à democracia do jeito que ela é e ao candidato desconhecido (33) que bravamente lutou sozinho, prometendo até o ultimo minuto do jogo que pretendia mudar São Luís para melhor.
    Parabéns aos eleitores dos dois lados: uns iludidos pelos agrados, felizes agora, correndo , gritando , festejando e carregando a bandeira daquele que pela omissão fez várias vítimas nos socorrões da vida e outros que sentem a falta dos seus entes queridos pela omissão do vencedor.
    Parabéns aos representantes culturais do Maranhão. Tenho certeza que tudo será revisto. Amanhã o horizonte será outro. E que Deus proteja a todos e a democracia .
    Finalmente reitero e não me arrependo com a minha família ANA BALDEZ (esposa), JOÃO PEDRO BALDEZ, MOZART BALDEZ NETO E JOÃO PAULO BALDEZ (filhos) de ter sido 33, por ser contra o 12.
    MOZART BALDEZ

  • 30/10/2016 at 21:19
    Permalink

    povo se contenta com pouca coisa!

  • 30/10/2016 at 20:37
    Permalink

    A cidade empobreceu de pessoas com consciência! A maioria dos votos vieram da periferia. A ilha não é mais rebelde!

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?