Tv Difusora: Emissora que trabalha para prefeito Edivaldo coloca a culpa do cancelamento de Debate no candidato Eduardo Braide

Essa simplesmente não era para hoje.

FOTO: Internet
FOTO: Internet

A Tv Difusora que está sob o comando maior do partido a qual tem o prefeito e candidato à reeleição, Edivaldo Júnior (PDT), cancelou o debate que estava marcado para hoje, 27, a partir das 22h. Segundo nota divulgada em redes sociais pela emissora, a culpa é do candidato Eduardo Braide.

Eduardo que está numa empolgação só depois do seu desempenho no debate realizado pela Tv Guará, não se conteve, não aceitou e bateu o pé porque não participaria do debate da ex-emissora dos Lobão, alugada para os políticos “6 por meia dúzia”. O candidato de 3% de intenção de votos não respeitou a Lei, a qual diz que somente candidatos com representação federal – a partir de 9 – estavam aptos a participar.

A representação judicial de Eduardo Braide foi uma carta na manga ao prefeito fujão de debates Edivaldo – que tem fugido da imprensa e da população como o cora foge da cruz.

O prefeito tem tentado – com êxito – se esconder de todas as formas de questionamentos sobre a gestão fantasma a qual vem desempenhando frente à prefeitura.

Sem ter o que defender de seu (des) governo, Edivaldo não tem honrado a sua palavra, as suas promessas e tem sido considerado o prefeito mais covarde, medroso e mentiroso que São Luís já teve.

Aí não deu outra. DEBATE CANCELADO!

Mais uma vez fica claro que:
– Quem é a aventura que quer continuar sendo fantoche dizendo que é prefeito de São Luís?

Abaixo a desculpa .. ops, Nota, divulgada pela Tv Difusora

difusoratv – O Sistema Difusora de Comunicação, em cumprimento de seu papel social de proporcionar informação com credibilidade ao povo maranhense, sempre buscou a imparcialidade ao tratar com cada candidato. Desde o início abriu espaço democrático, para todos que disputam o cargo de prefeito de São Luís. Dando oportunidade e tempo isonômicos para apresentarem suas propostas e ideias.

O Sistema Difusora se preparou com esmero para a realização do debate esta noite. Toda uma estrutura de cenário, então previamente montado para receber os 4 candidatos.

Mas, ontem, fomos surpreendidos com uma decisão judicial, obtida pelo candidato Eduardo Braide, do PMN, que determina sua inclusão no debate. A Difusora entrou com recurso, mas até o presente momento não houve pronunciamento judicial.

Diante dessa situação, a poucas horas do evento, ficamos sem condições técnicas e estruturais para manter, acima de tudo a qualidade e lisura do debate. Isso porque não haveria tempo de refazer sorteios de ordem de participação, de confeccionar material, montar ambiente e oferecer organização e qualidade aos candidatos, e principalmente aos telespectadores.

Por esses motivos e com tremendo pesar, a direção do sistema difusora de comunicação informa que resolveu cancelar o debate.

Pedimos desculpas a você, e somente a você cidadão ludovicense, que aguardava por este momento tão importante da democracia”.

Resumindo … 

Edivaldo fugiu de mais um enfrentamento com candidatos, mostrando não se preocupar nem um pingo com a população.

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?