Debate Tv Guará: O que foi Eduardo Braide

debate
Foto: Blog Jorge Aragão

Ontem a noite, 22 aconteceu o primeiro debate de televisão entre os candidatos à prefeitura de São Luís. O debate foi transmitido pela Tv Guará e contou com a participação de Eduardo Braide (PMN), Eliziane Gama (PPS), Fábio Câmara (PMDB), Rose Sales (PMB) e Wellington do Curso (PP). O prefeito da capital e candidato à reeleição, Edivaldo Júnior (PDT), em mais um gesto de desrespeito com o eleitorado, deixou a sua vaga vazia como resposta à população. Desde que começaram as rodadas de debates e sabatinas entre os candidatos com diversas categorias, Edivaldo tem sido o único faltoso, provando o medo que tem de ser confrontando com os desserviços de sua gestão, que vem penalizando a todos os ludovicenses.

Quero me ater ao fator ‘o que foi Eduardo Braide ontem no debate’, segundo as minhas impressões.

Já partindo do princípio de que o candidato foi o mais seguro e mais firme durante o tempo em que se perdurou a tensão do debate, posso dizer também que Eduardo deu sinais de que é o candidato mais técnico, chegando a ser comparado até a um robô.

Sem carisma, com palavras duras e de confrontos aos candidatos, Braide fez o dever de casa muito bem feito e ensaiou cada pergunta e resposta bem direitinho.

Me atrevo a dizer que independente de preferências políticas (sim, tenho preferências. Antes de ser formadora de opinião, sou ser humano normal), achei Eduardo Braide um tanto arrogante, prepotente, chegando a ser comparado com Flávio Dino, no debate da Mirante de 2010 – quando o comunista partiu durante todo o tempo pra cima da candidata Roseana Sarney, no jeito FD de ser, arrogante, cheio de si, prepotente e afins do tipo.

Em relação aos demais candidatos, Braide pode ser considerado o vitorioso, pois provocou, confrontou, jogou indiretas e por não ter um candidato que, sequer, estivesse à altura de seus confrontos, angariou votos de eleitores que, porventura, estavam indecisos, saindo um pouco do ostracismo que vive como deputado estadual.

 

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?