Para que todos saibam: “Prefeitura de São Luís é governada pelo secretário queridinho de Flávio Dino”, denuncia senador

O prefeito fez da prefeitura um “puxadinho” do Palácio dos Leões, delegando para um estafeta do governador a tarefa de governar a cidade de São Luís.

(Roberto Rocha)

FOTO: Atual 7
FOTO: Atual 7

Só pode falar com propriedade quem, de fato, conhece ou fez parte da ‘coisa’.

Não é à toa que o ex vice-prefeito de São Luís e hoje senador Roberto Rocha (PSB), afirma com propriedade que a prefeitura de São Luís é apenas um “puxadinho” do Palácio dos Leões, ou seja, um plano de Flávio Dino que deu certo e fez e faz de Edivaldo Júnior (PDT) a sua marionete e/ou laranja.

Em sua página de rede social, Roberto Rocha denunciou que “quando toda população descobrir que o prefeito fez da prefeitura um “puxadinho” do Palácio dos Leões, delegando para um secretário do governador a tarefa de governar a cidade de São Luís, não tenho dúvida, Wellington ganhará a eleição”.

Se essa informação, de quem fez parte, realmente procede, todos nós temos a missão de fazer os milhares de ludovicenses ficarem a par dessa denúncia. Edivaldo nunca governou. Tudo sempre esteve nas mãos do ‘homem de confiança’ de Flávio Dino.

14358795_1219496511404579_7056668701420385972_n
“No ritmo atual, não será surpresa se Wellington chegar no primeiro turno à frente de Edivaldo Holanda Jr” – Roberto Rocha

O senador ainda aposta que o candidato que já ocupa o 2° lugar nas pesquisas para prefeito de São Luís, Wellington do Curso (PP) poderá chegar no primeiro turno à frente de Edivaldo Holanda Jr e “isso não será surpresa”, acredita RR.

“Mesmo sendo um bom filho, um bom pai, um bom esposo, o prefeito da capital do Maranhão não tem o direito de entregar o cargo de prefeito para um estafeta do governador, transformando-se num “sub do sub”, o senador Roberto Rocha.

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?