População maranhense escolhe prioridades de ações emergentes para seus municípios

Com essa história de escutas territoriais com a população maranhense, ouvidoria e votação para esta escolher prioridades e necessidades de ações para os seus municípios, informações do Governo do Maranhão dão conta de que mais de 23 mil pessoas participaram dessas escolhas de prioridades de investimentos para o estado. O governador Flávio Dino (PCdoB) conheceu ontem (18) o resultado final da votação das propostas para o Orçamento Participativo 2016, coordenada pela Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop). O maior objetivo das audiências foi consultar a população sobre prioridades para o orçamento municipal.

Foto2_NaelReis - Divulgadas prioridades do Orçamento Participativo

 As propostas foram ouvidas nas escutas territoriais que aconteceram em 16 regiões do estado, com a participação de 3.082 pessoas que compareceram às reuniões regionais e 23.006 usuários que interagiram na plataforma digital ‘Participa MA’.

 A população vai poder, a partir de agora, conhecer os próximos passos que envolvem as propostas vencedoras. Os técnicos das secretarias estaduais de Direitos Humanos, de Planejamento e de Articulação Política ressaltaram a importância da criação de um comitê gestor responsável por acompanhar a realização das obras aprovadas. Neste primeiro momento, as secretarias estaduais conhecerão as propostas prioritárias eleitas pela população e apresentarão ao comitê as obras previstas no orçamento para cada região.

 Todas as informações estarão disponíveis na plataforma digital, que será utilizada como canal para as ouvidorias, onde serão postadas notícias, informativos sobre as conferências e status das propostas escolhidas pela população.

 Dentre as principais propostas escolhidas para a região metropolitana de São Luís, estão as que sugerem a implantação de um centro de referência especializado de atenção integral à saúde da pessoa idosa e a construção de um centro de referência metropolitano da economia solidária que atendam às necessidades das cadeias produtivas, com gestão.

 Entre as propostas mais bem votadas na plataforma está a que sugere ampliar e equipar a Santa Casa de Misericórdia do município de Cururupu para que sejam oferecidos serviços de saúde de média e alta complexidade. A sugestão foi levantada durante a escuta territorial na Baixada Ocidental. Para a região do Vale do Mearim, entre as três prioridades definidas, está a reestruturação da educação básica das escolas públicas no que se refere à estrutura física, pedagógica e tecnológica.

 O resultado completo da votação está disponível no site do Governo do Estado (www.ma.gov.br) e do Participa MA (www.participa.ma.gov.br).

PARTICIPA MA

 O Participa MA é a principal ferramenta digital de diálogo entre o poder público estadual e sociedade. A plataforma também é um espaço para debates, consultas públicas, votações e de visibilidade das ações de participação que irão consolidar a instalação do Sistema Estadual de Participação Popular. A votação das propostas do Orçamento Participativo (OP) foi a primeira ação a utilizar a Plataforma como instrumento para a participação popular.

QUADRO PROPOSTAS PRIORIZADAS PARA O ORÇAMENTO DE 2016

ESCUTAS TERRITÓRIO PROPOSTAS VENCEDORAS NA PLATAFORMA DIGITAL
CAXIAS COCAIS Fortalecer o serviço de atenção básica de saúde e de alta complexidade com o financiamento do Estado para a instrumentalização e implementação das políticas de atenção aos trabalhadores, crianças, idosos e pessoas com deficiência.

222 VOTOS – 51,87%

IMPERATRIZ CERRADO AMAZÔNICO Estruturação das escolas com revisão das instalações elétricas, climatização, instalação de laboratórios de informática e ciências, internet banda larga, renovação do acervo das bibliotecas, equipamentos mobiliários, quadras poliesportivas.

1.184 VOTOS – 90,66%

BACABAL VALE DO MEARIM  Reestruturação da educação básica das escolas públicas nos âmbitos da estrutura física, pedagógica e tecnológica para a região do Vale do Mearim.

1.207 VOTOS – 85,72%

BALSAS CERRADO SUL Reforma e climatização das escolas de Ensino Médio com instalação de kits de multimídia em todas as salas de aula.

313 VOTOS – 62,73%

CHAPADINHA BAIXO PARNAÍBA Construir, reformar, ampliar e equipar as escolas estaduais com laboratórios (informática, de ciências e de matemática), bibliotecas, quadras cobertas com vestiários, assegurando sua manutenção na zona urbana e rural.

217 VOTOS – 63,27%

COLINAS SERTÃO DO MARANHÃO Ampliação e Modernização do Hospital de Urgência e Emergência da cidade de Presidente Dutra, visando atender ao território do sertão maranhense.

623 VOTOS – 90,55%

ITAPECURU VALE DO ITAPECURU Ampliação dos Hospitais Regionais de Matões do Norte com a média complexidade e o de Itapecuru Mirim para alta complexidade e com a instalação de uma UTI NE0 NATAL visando a redução da mortalidade infantil e aquisição de 1 ambulância regional tipo Unidade de Suporte Avançado (USA)  ou UTI Móvel para atender os municípios da região. (SAÚDE).

933 VOTOS – 83,98%

PINHEIRO BAIXADA OCIDENTAL Ampliar e equipar a Santa Casa de Misericórdia do município de Cururupu possa oferecer serviços de saúde de média e alta complexidade.

10.523 VOTOS – 86,32%

GRAJAÚ CENTRO MARANHENSE Construção, ampliação e reforma de prédios escolares e implantação de laboratórios pedagógicos para a educação básica nas zonas urbanas e rurais dos municípios, contemplando a clientela indígena, não indígena e quilombola.

297 VOTOS – 46,62%

ZÉ DOCA ALTO TURI/GURUPI Ampliar os sistemas de abastecimento de água e implantar o sistema de esgoto em toda região.

375 VOTOS – 53,50%

LAGO DA PEDRA MÉDIO MEARIM Construção de um Hospital Macrorregional de Média de Alta Complexidade, com a seguinte estrutura: UTI neonatal, aparelhado com mamógrafos, tomógrafos e eletro encefalograma e hemocentro.

61 VOTOS – 78,21%

 

SANTA INÊS VALE DO PINDARÉ . Investimentos na atenção básica de saúde dos municípios, priorizando aquisição de um mamógrafo e de um equipamento de hemodiálise para a região.

650 VOTOS – 77,01%

PEDREIRAS MÉDIO MEARIM Conclusão do Hospital macrorregional de Pedreiras.

61 VOTOS – 70,93%

VIANA CAMPOS E LAGOS Construir hospital de alta complexidade no território.

196 VOTOS – 70,50%

BARREIRINHAS LENÇÓIS MUNIM Construção do hospital de alta complexidade da rede hospitalar do território e ampliação da rede existente.

77 VOTOS – 50,99%

SÃO LUÍS METROPOLITANA Implantar Centro de Referencia Especializado de atenção integral a saúde da pessoa idosa.

787 votos – 34,87%

 

Construir e equipar o centro de referencia metropolitano da economia solidária que atendam as necessidades das cadeias produtivas, com gestão compartilhada entre instâncias representativas da economia solidária.

735 votos – 32,57%

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?