Noite de feriado demonstra como São Luís vai decaindo no turismo

Pelas imagens abaixo dá-se para ter uma noção de que a cada dia, final de semana, feriado ou datas comemorativas, as pessoas escolhem tudo, menos ficar na grande “Ilha do amor” – São Luís. Afinal, o que teria aqui para atrair pessoas a escolher tal cidade como roteiro de lazer, passeio e diversão? A resposta é bem simples – NADA!
Falta de investimentos ou incentivos dos que já existem e insegurança seriam respostas fundamentais para refletir a realidade que se tem.

É notório a falta de interesse de turistas e, até mesmo, das próprias pessoas que moram aqui em querer permanecer dias de “folga” em uma cidade que, obrigatoriamente, deveria ser sinônimo de turismo. Sim, porque uma cidade como São Luís, com praias, monumentos históricos, conhecida por Cidade dos Azulejos, prédios monumentais de uma arquitetura singular, forte cultura popular, artesanato, culinária peculiar, se perde pela falta de investimentos de governantes que, ao que parece, pouco se importam se o cenário do turismo e, consequentemente, da economia na capital maranhense, vai de mal a pior.

Quem tem o desprazer de ter que ficar na cidade em uma noite de feriado, se depara com isso. Alguém na rua?

20150728_20345120150728_204230

Nesse meu texto eu retratei apenas uma parte do isolamento da cidade em dias de folga, imagine se eu entrar na questão da ‘falta de oferta de diversão e entretenimento aos maranhenses e turistas, das ruas e avenidas esburacadas, da chegada no aeroporto de novas pessoas à capital – nem se fala do “improvisado” aeroporto, casarões caindo aos pedaços, sem iluminação, sem segurança, sem asfalto, entre muitas outras deficiências e limitações que enfrentamos.

Que cidade é essa .. Quando é que os nossos governantes, empresários, cidadãos comuns vão se dar conta de que a cidade está a cada dia mais afundada numa decadência que parece não ter fim?!

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?