Escritório Carlos Sérgio de Carvalho Barros Advogados Associados ganha causa que reconduz vereadores de Zé Doca ao cargo parlamentar

Advogado Carlos Sérgio Barros

Graças ao trabalho do Escritório Carlos Sergio de Carvalho Barros Advogados Associados, chegou ao fim uma das mais complexas e controversas  disputas judiciais eleitorais do Maranhão relativa às eleições municipais de 2016.

O TRE confirmou, por unanimidade,  na tarde desta quinta-feira,  10, o indeferimento do registro de todos os candidatos a vereador do município de Zé Doca, Maranhão,  que concorreram pela coligação encabeçada pelo PT. O motivo deu-se pela coligação não respeitar o número mínimo de candidatas do sexo feminino.

A decisão de hoje, somada a outra proferida pela Corte no início do mês, pelo indeferimento parcial do registro de outra coligação do mesmo grupo, restabelece a composição inicial da Câmara Municipal de Zé Doca, diplomada no início de 2017, com 14 vereadores que concorreram coligados ao PR, de um total de 15 cadeiras.

Aguarda-se para os próximos dias a retotalização dos votos e a recondução ao cargo os vereadores Hennio Silvestre, Edmar Simplício e Rogério Rocha, em substituição aos vereadores Alcobaça, Raimundo do Sindicato e Luís do Igarapé Grande.

Segundo o advogados Sócrates Niclevisk e Carlos Sérgio de Carvalho Barros, que atuaram na defesa dos vereadores reconduzidos, “as decisões restabelecem a justiça e a vontade do povo de Zé Doca, onde, ao mesmo tempo, reforçam a importância da participação da mulher na política e a necessidade de que as lideranças partidárias tenham total atenção com as regras que tratam dos registros de candidaturas e coligações”.

Os vereadores reconduzidos foram defendidos pelo escritório Carlos Sergio de Carvalho Barros Advogados Associados.

Vereadores beneficiados pela Ordem Judicial

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?