Veja no vídeo: Titi, filha de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso é chamada de “preta macaca horrível” ; Casal de atores denuncia

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank estiveram na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), nesta segunda-feira, às 11h, onde prestaram queixa contra a blogueira e socialite Day McCarthy.

A blogueira postou um vídeo com ofensas racistas contra a filha do casal, Titi, de 4 anos, que nasceu no Malawi (sul da África) e foi adotada em 2016 pelos atores. Essa é a segunda vez que o casal registra queixa por racismo sofrido pela filha. No mesmo ano em que a menina foi adotada, foi alvo, também, de comentários maldosos na internet.

Titi, filha do casal de atores foi chamada de “macaca horrível” por socialite

O ator Bruno Gagliasso foi à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI), no Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (27), para prestar queixa contra a blogueira e socialite Day Mcarthy, que publicou um vídeo com ofensas racistas contra a sua filha com a atriz Giovanna Ewbank.

Na semana passada a socialite Day McCarthy fez um vídeo em que chamava a filha do casal de atores de “macaca horrível” e dizia que seu cabelo era “de pico de palha” (…) “A menina é preta. Tem o cabelo horrível de pico de palha. Tem o nariz de preto horrível. E o povo fala que a menina é linda”, diz Day na gravação. Segundo a assessoria do ator, o casal irá entrar com processo judicial fora do Brasil, no Canadá, onde Day McCarthy mora.

Por conta do vídeo contra Titi, de 4 anos, muitas pessoas se manifestaram contra Day nas redes sociais. Giovanna publicou uma foto da filha afirmando que providências seriam tomadas: “Bom domingo com amor e a pureza de uma criança a todos que tem nos mandado mensagens sobre o acontecido, racismo é crime e já estamos tomando as devidas providências perante a lei.”

Mãe de Titi se pronunciou sobre o vídeo racista e disparou “tomando providências”

Bruno Gagliasso também se manifestou com uma frase de Angela Davis. “Numa sociedade racista, não basta não ser racista. É necessário ser antirracista.”

Titi, apelido de Chissomo, foi adotada por Gagliasso e Giovanna em 2016. A menina nasceu no Malawi, país no sul da África. Essa é a segunda vez que o casal registrou uma queixa por racismo. Em novembro de 2016, o ator foi à Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) após a garota ser alvo de comentários maldosos na internet.

Em tempo

Ao que tudo indica, a “socialite” decidiu chamar a atenção ao alfinetar crianças. Este ano, ela foi cortada do Instagram ao publicar uma montagem comparando Rafa Justus, filha de Ticiane Pinheiro e Roberto Justus, ao boneco de terror Chuck. Em outro vídeo, ela continuava a agredir verbalmente a menina, dizendo que a garota teria uma doença, pois os pais tinham uma grande diferença de idade.

Veja o vídeo criminoso

Qual é a sua opnião sobre essa matéria?