Construtora Ronierd Barros é multada em mais de 1 milhão de reais pela prefeitura de São José de Ribamar

A Prefeitura de São José de Ribamar, por meio da Secretaria do Ambiente em parceria com a Secretaria da Receita e Fiscalização Urbanística e apoio da Secretaria Municipal de Transporte Coletivo, Trânsito e Defesa Social (SEMTRANS), voltou a constatar irregularidades na obra do Condomínio Portal do Mar, da Ronnierd de Barros, localizado em Panaquatira, São José de Ribamar.

A obra, que já vinha causando vários problemas desde o início do ano – como a interdição da via principal – voltou a ser autuada em março deste ano por descumprimento de normas ambientais que novamente causaram danos ambientais, devido uma grande faixa de areia que invadiu a pista e se estendeu ate a área de mangue.

De acordo com o secretário do ambiente, Nelson Weber, a construtora foi notificada, e mesmo assim não parou a obra, descumprindo e não observando as condicionantes da licença que prevê duras penas para crimes ambientais.

– Há exatos vinte dias, estivemos aqui atendendo a denúncia dos moradores incomodados com as construções irregulares do loteamento Portal do Mar. A obra foi notificada, autuada e lacrada, mesmo assim a empresa continuou a operação, descumprindo todas as deliberações dos órgãos competentes – explicou o secretário.

Desta forma, continuou, “hoje retornamos para a apreensão do maquinário, além de aplicação de multa ambiental no valor de 500.000 UFMs, o equivalente a mais de 1 milhão de reais”.

Quem mora na região comemorou e apoiou a operação. “Desde o início dessas construções denunciamos as irregularidades e mesmo assim nada havia sido feito. Agora sim, alguma coisa esta sendo feita para conter essa degradação que contamina nossos rios e destrói a natureza”, disse o morador Leonilson Soares.

As operações de fiscalização nos espaços e logradouros públicos bem como bens ambientais, deverão continuar. O objetivo é preservar o patrimônio, público e ambiental, devolvendo espaços para o convívio das famílias e resguardando o direito da população.

(As informações são da Prefeitura de São José de Ribamar)

Temer vai distribuir dinheiro à rádios de municípios brasileiros para publicidade em defesa da Reforma da Previdência

Com esse roteiro, o Planalto mostra que, além da concessão de cargos e emendas parlamentares, a propaganda também virou moeda de troca em busca da aprovação da reforma no Congresso. Os responsáveis pela indicação da mídia que receberá a verba publicitária são justamente deputados e senadores. Assim como no RGPS – Regime Geral de Previdência Social –, a transição para os atuais segurados será aplicada a servidores com idade igual ou superior a 50 anos (homens) ou 45 anos (mulheres).

Até que ponto a bancada de políticos, a exemplo do chefe da Nação, Michel Temer (PMDB), subestima a inteligência e a vontade soberana do povo?!

Desde que o presidente do Brasil autorizou mudanças na Reforma da Previdência para ser enviada e aprovada pelo Congresso, exigindo os requisitos de 65 anos de idade, 25 anos de contribuição, 10 anos no serviço público e 5 anos no cargo efetivo, tanto para o homem como para a mulher, para poder se aposentar, mobilizações de trabalhadores têm acontecido por todo o país.

Com isso, de acordo com a coluna de Mônica Bérgamo, da Revista Fórum, o governo Temer está fazendo de “um tudo” para tentar conter a população de críticas à Previdência. Segundo a informação da colunista, o governo vai distribuir à rádios de municípios brasileiros verbas de publicidade destinadas à defesa da Reforma da Presidência. A lista será elaborada a partir de sugestões de parlamentares que apoiam o governo, que indicarão os veículos que devem receber a propaganda.

A estratégia do Palácio do Planalto para afastar as resistência à Reforma é fazer com que locutores e apresentadores populares, principalmente no Nordeste, expliquem as mudanças sob um ponto de vista positivo. Os veículos de comunicação que aderirem à campanha terão direito à publicidade federal.

Com esse roteiro, o Planalto mostra que, além da concessão de cargos e emendas parlamentares, a propaganda também virou moeda de troca em busca da aprovação da reforma no Congresso. Os responsáveis pela indicação da mídia que receberá a verba publicitária são justamente deputados e senadores.

 

 

Vereador Beto Castro tem aprovados 4 requerimentos de execução de serviços públicos para bairros de São Luís

A Câmara Municipal aprovou, por unanimidade, quatro requerimentos do vereador Beto Castro (PROS), solicitando que a prefeitura de São Luís – por meio das secretarias municipais competentes – executem importantes serviços públicos cobrados pela população do Bairro de Fátima, Areinha e Vila Janaína e reimplante as placas de sinalização em pontos turísticos.

No primeiro requerimento, pedindo para ser encaminhado ofício ao prefeito de São Luís e aos secretários da Semosp e da Semapa, Beto Castro solicita, em caráter de urgência, uma ampla reforma da feira do Bairro de Fátima. Na segunda proposição, encaminha por ofício ao prefeito de São Luís e ao secretário da Semosp, Beto Castro solicita a recuperação e limpeza da galeria da Avenida Dois, do Bairro da Areinha.

Fazendo um terceiro pleito, também encaminhado pela Câmara Municipal por meio de ofício ao prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PTC) e ao secretário da Semosp, engenheiro Antônio Araújo – o vereador solicita, com a máxima urgência, a pavimentação, asfaltamento, serviço de meio fio e sarjeta da Rua Cristino de Oliveira, localizada no Bairro Vila Janaina.

No quarto documento, Beto Castro (PROS) solicita que o prefeito e o secretário da SMTT, Canindé Barros, mandem reimplantar, com a máxima urgência, as placas de sinalizações e orientações aos visitantes e locais da cidade dos pontos turísticos de São Luís. O vereador percebeu a extrema ausência das mesmas nos locais de visitações e rotas turísticas da capital.

Blog Antônio Martins